N. 19 – Belém/PA - Novembro/Dezembro - 2014

As Faces da Trabalhadora Doméstica

A agenda do Laboratório dos Estudos de Gênero (GEPEM/UFPA), entre as atividades de abril, incluiu o Cine-Gênero As Faces da Trabalhadora Doméstica, intencionando integrar os temas de pesquisa das associadas do GEPEM e, desse modo,  estimular uma leitura crítica acerca dos fenômenos culturais que criaram modelos e impuseram imagens sociais ao longo do tempo e em diferentes contextos, traduzidos, entre outros, por meio da cinematografia.

A base referencial do evento foi o filme “Domésticas” (Brasil, 2001), de Fernando Meireles e Nando Olival, inspirado na peça teatral homônima de Renata Melo. A narrativa refere-se à vida de seis personagens que circulam em cenários de contrastes (bairros nobres x periféricos), no serviço diário na casa dos patrões: Cida, vivenciando um casamento monótono; Roxane, que sonha ser modelo; Zefa, uma velha empregada; Raimunda, a romântica; Créo, a evangélica; e Quitéria, quase sempre desempregada.

A temática foi explanada pela Dra. Maria Cristina  Maneschy, a qual, referenciando Helena Hirata e Danièle Kergoat (2007), discorreu sobre “os significados da permanência e das transformações desse emprego na realidade brasileira contemporânea”, considerando que” o emprego doméstico é um ofício que diz muito sobre as relações de gênero no mundo do trabalho”. Em conclusão, referiu que “a discussão que se faz sobre essa categoria socioprofissional insere-se na tradição de estudos feministas sobre o mundo do trabalho e sobre seus agentes, abordando criticamente as relações sociais entre os sexos e seus rebatimentos na esfera do trabalho”.

Maria Cristina Alves Maneschy é Doutora em Sociologia (Université Toulouse Le Mirail, França). Atualmente é professora associada da UFPA, vinculada ao Instituto de Filosofia e Ciências Humanas. É membro do ICSF - International Collective in Support of Fishworkers, rede de pesquisadores, técnicos, professores e ativistas comunitários envolvidos com questões de interesse dos trabalhadores da pesca, inscrita na lista de ONGs internacionais da Organização Internacional do Trabalho e reconhecida pela FAO. Participa, também, do Grupo de Estudos e Pesquisas Eneida de Moraes sobre Mulher e Relações de Gênero  (GEPEM/UFPA).

Texto: Maria Luzia Álvares. Adaptação: Eunice Santos. Fotos: Nilson Almeida Filho.

Serviço: Cine-Gênero As Faces da Trabalhadora Doméstica - Coordenação: Dra. Maria Cristina Maneschy --GEPEM/Laboratório Interdisciplinar de Gênero=Auditório do IFCH/UFPA, 23/abril/2013(14h30).